19 de mar de 2013

Super Nada


Em "Super Nada", um ator desconhecido e um veterano lutam para superar o nada em São Paulo
Filme tem como maior mérito a interpretação do sempre excelente Marat Descartes

por Fábio Pastorello

Grande destaque do último festival de Gramado, no qual foi considerado por alguns críticos como melhor filme brasileiro do festival, "Super Nada" de Rubens Ewald ("O Corpo", 2007) e Rossana Foglia. O filme, assim como o também brasileiro "Riscado", conta as desventuras de um ator no Brasil. A dificuldade de conseguir reconhecimento, os trabalhos nem tão desejáveis aos quais os atores se submetem e as dificuldades financeiras são o pano de fundo desses dois trabalhos.